terça-feira, dezembro 25, 2007

Croniquinha de Natal


Ou 7 (sete) passos para a felicidade.

25 de Dezembro de 2007, 13:13 h, Rio Claro - Sp - Brasil.

Hoje é natal, e durante a madrugada, um homem, supostamente um bom velhinho, entregou presentes à cada criança do planeta. Mas, será este o verdadeiro significado do natal?

Houve, faz um tempão, uma lenda. Uma lenda bonita, e triste; que contava a estória de um menino, aparentemente, muito normal e, até um pouco sem graça.

Para começar, ele era pobre, mas era o Rei, e nasceu num curral; isso mesmo, num curral, cercado de animais. Seu berço, improvisado, uma manjedoura.

Depois de uma horas que nasceu, três reis foram visitar o menino e levaram presentes (provavelmente nasceu deste gesto a tradição de dar presentes). O menino cresceu e morreu como todo mundo, mas diferente dos outros homens, ele pagou um preço, não só por suas escolhas, como ocorre com a maioria. Pagou uma divida que, se não por ele, não seria paga nunca, mas para pagá-la, teve de morrer. O seu sangue foi o preço cobrado pela divida. Ele pagou, cada centavo, ou melhor, cada gota...

Eu não sei o real significado do natal, só sei que, se existe mesmo um para essa festa deve ter algo a ver com a história desse menino que nasceu Deus e salvou o mundo, e não com um velhinho bonachão, com cara de vovô, que passa um dia no ano entregando presentes por aí.
Ah! Você deve estar se perguntando: "E os sete passos para a felicidade?"
A resposta é fácil:
Disse-lhes Jesus:
-Eu sou o caminho, a verdade e a vida, e ninguém vai ao pai se não por mim.

Dê os passos nesse caminho que serás feliz.

quinta-feira, dezembro 06, 2007

Post Apressado



Entre uma prova e outra...


O tempo q ue sobra...
tudo feito correndo..
Tudo, sem tempo.

Corre empurra, puxa, sai e entra,
parece uma gincana maluca em que aquele que fica menos tempo em um só
lugar
Ganha!

Corre de novo, entrega
pega de volta, defende
acusa
relógio

.
..
...
?






Ps: Se você não entendeu leia tudo de novo!
PPs: Isso não vai ajudar a entender.
PPPs: Desconsiderar as afirmações anteriores e o poema.
Nota: Dexa pra lá...

sexta-feira, novembro 23, 2007

Sorriso Metálico




Quem já assintiu ao desenho Sorriso metálico?

Eu assistia e, para dizer a verdade, jurava que meu aparelho se comportava do mesmo modo peculiar do da protaginista (uma vez cheguei a imaginar que sintonizou uma rádio em minha boca!).
Eu decidamente me arrependi amargamente de ter posto o aparelho, sério mesmo, mas como era um "mal necessário" acabei aceitando.
Agora, depois de 4 anos de sofrimento (hove dias que eu não conseguia nem comer de tanta dor), chegou finalmente ao fim o meu suplício.
Só que agora acho que vou sentir falta do meu sorriso metálico, ou como dizia meu amigo: "Sorriso Prateado".


quarta-feira, novembro 14, 2007

Aluga-se


É engraçado como de repente entrou na moda procurar uma solução para a “nova” onda de violência pela qual passa o nosso país. Uns dizem que é preciso chamar um tal capitão Nascimento. Mas, pessoalmente, prefiro a solução dada por Raul Seixas, na já esquecida década de 80 – “a solução é alugar o Brasil” e, o melhor de tudo, “nós não vamos pagar nada”.

Imagine só a manchete: “Governo aluga o país para os americanos” – no corpo do texto estariam os detalhes – “O presidente da república assinou ontem pela manhã no Palácio da Alvorada o contrato de locação das terras brasileiras, concedendo ao governo dos EUA pleno controle do território nacional”.

Uma semana depois os “Americans” entrariam com uma ação de despejo para que todos os “brasilians” deixassem o país em 72 horas com exceção dos moradores dos bairros nobres das grandes metrópoles, pois a CIA julgou muito remota a probabilidade de que esses moradores venham a assaltar os novos inquilinos.

Depois de alguns meses de guerra civil não declarada contra os traficantes, os americanos se fartariam do mandar seus filhos morrer numa guerra sem sentido e a Casa Branca acabaria ordenando a retirada gradativa das tropas alegando que o Brasil é um país habitado por bestas selvagens que comem nobres homens de nobres intenções que somente desejam levar a democracia para o terceiro mundo.

Mas antes de abandonar completamente as terras tupiniquins – posso até imaginar a cena – todos remanescentes da população dos bairros nobres das cidades pegam cada qual o seu carro e saem dirigindo por ai exibindo seus “Rolexes” sem medo de serem roubados, pois as motocicletas foram proibidas de circular. O Brasil acaba como o Iraque ou o Afeganistão, mas quem se importa?

Algum tempo depois, dois homens escondidos num abrigo antimíssil, agora a guerra está declarada, os pobres que resistiram nas favelas versus os moradores dos Jardins, um vira para o outro e pergunta:

-Que horas são?

- São 2:45 da tarde.

- Que bom que agora todo mundo pode usar o seu Rolex em paz...

Existem, é claro, outras opções para diminuir a “onda de violência” pela qual passa a nossa pátria amada, mas a maioria é clichê. Por exemplo, o governo poderia criar um sistema educacional decente, que não preze pelos números e sim pela qualidade, que permita a todos, sem distinção social, acesso à cultura, laser e aos níveis superiores de ensino.

Ou ainda, um sistema jurídico / carcerário que realmente permita a reabilitação dos condenados, pois em geral os homens e mulheres que cometem crimes são amontoados numa prisão tendo por companhia, muitas vezes, criminosos mais “experientes”, ou melhor, mais perigosos.

Sem falar que para conseguir um emprego as pessoas precisam de um “nada consta” – está estatisticamente provado que a incidência de crimes aumenta na população que já cumpriu pena. Evidentemente que o lugar de bandido é mesmo na cadeia, mas há de se pensar uma maneira para que o cidadão tenha uma chance de se regenerar.

Como disse, as outras soluções são clichês e, provavelmente, nunca serão tentadas, acho mesmo que é mais fácil alugar o Brasil.

domingo, novembro 04, 2007

Um Anel para todos governar

Há um tempinho atrás, eu estava passeando por uma livraria evangélica aqui de Rio Claro quando me deparei com um livro que, no mínimo, me surpreendeu. Chamava-se: Encontrando Deus em O Senhor dos Anéis, na capa dizia se tratar de um estudo de como as passagens do livro de Tolkien se referiam em parte à bíblia.
Confesso que sou fã dos livros de Tolkien, já li todos; desde o Silmarillion até os Contos Inacabados, mas jamais suspeitei que houvesse qualquer ligação entre as estórias do Senhor dos anéis e a bíblia, e, provavelmente, movido pela mina imensa curiosidade eu li alguns trechos ali mesmo na livraria.
Em linhas gerais o livro diz que cada passagem no Senhor dos Anéis (SDA) era simbólica e que tinha um fundo espiritual. Por exemplo quando o Gandalf cai lutando contra o Barl'og é uma alegoria de Jesus quando morre e luta contra Satã pela chave da vida e da morte, vale lembrar que assim como Jesus o mago de SDA ressuscita mais poderoso que antes (tendo se livrado da sua parte humana por assim dizer).
O Livro está cheio de explicações como esta, mas o que mais me chamou atenção foi quando o autor do livro diz que o anel representa uma aliaça com Satanás (lembre-se que um pecado de certa forma é uma aliança com o inimigo) e que tal aliaça, assim como o anel do SDA, só pode ser desfeita onde foi forjada (o meu pastor vive falando isso), foi ai que passei a olhar O Senhor dos Anéis com os olhos da fé e até hoje me surpreendo.
Tolkiem poderia até não ter intencionado isso, mas seu livro se relaciona fortemente com a bíblia e de uma forma ou de outra traz uma lição para todos...

terça-feira, outubro 23, 2007

As relações entre as espécies ... Sorte, ou a falta dela.

Coiotis Famintus

Sempre torci pelo papaléguas, juro, mas as vezes eu sentia pena do pobre coiote. Sério, olhem a cara do desventurado, o pior é que ele é até inteligente, cada plano mais milaborante pra pegar o papaléguas, o problema é que ele não tem nem um pinguinho de sorte. Mesmo quando tudo está perfeitamente planejado, arquitetado e medido, alguma coisa sai errado e ele se dá mal.
Até o nome dele que aparece na legenda dá dó: Coiotis Famintus, o papaléguas é Spidimus Maximus, lógico que isso é uma brincadeira da Worner com os nomes científicos dos animais, mas mostra bem que o pobre coiote passa fome.
Foram produzidos milhares de episódios do Papaléguas, não sei quantos ao certo, e sabem quantas vezes ele pegou a superveloz ave? Tentem adivinhar ...
Nem uma única vez, ele nem chegou perto, não é pra ter pena?, mas ai lembrei que é um desenho, e como tal seria sempre impossível que ele pegasse o papaléguas, o astro do desenho, e minha mãe me disse, quando demonstrei a preocupação diante da fome do coiote, que ele só não comia o papaléguas e que o desenho só mostrava ele tentando pegar o papaléguas, mas que provavelmente ele comia uns carneirinhos de vez em quando só que não aparecia na tv ...
Ai comecei a ficar preocupado com os carneirinhos....

quarta-feira, outubro 17, 2007

Internet


Pela Internet - Gilberto Gil

Criar meu web site
Fazer minha home-page
Com quantos gigabytes
Se faz uma jangada
Um barco que veleje

Que veleje nesse infomar
Que aproveite a vazante da infomaré
Que leve um oriki do meu velho orixá
Ao porto de um disquete de um micro em Taipé

Um barco que veleje nesse infomar
Que aproveite a vazante da infomaré
Que leve meu e-mail até Calcutá
Depois de um hot-link
Num site de Helsinque
Para abastecer

Eu quero entrar na rede
Promover um debate
Juntar via Internet
Um grupo de tietes de Connecticut

De Connecticut acessar
O chefe da Macmilícia de Milão
Um hacker mafioso acaba de soltar
Um vírus pra atacar programas no Japão

Eu quero entrar na rede pra contactar
Os lares do Nepal, os bares do Gabão
Que o chefe da polícia carioca avisa pelo celular
Que lá na praça Onze tem um videopôquer para se jogar


Sei que estou um pouco musical ultimamente, mas esse post aqui é para comemorar o 6º (Nas minhas contas) aniversário do meu blog, a partir de hoje essa é a data "oficial" de comemoração, um mês antes do meu próprio aniversário...

segunda-feira, outubro 08, 2007

Pressa

Lenine - Paciência
Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
A vida não para
Enquanto o tempo acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora vou na valsa
A vida e tão rara
Enquanto todo mundo espera a cura do mal
E a loucura finge que isso tudo é normal
Eu finjo ter paciência
O mundo vai girando cada vez mais veloz
A gente espera do mundo e o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência
Será que é o tempo que lhe falta pra perceber
Será que temos esse tempo pra perder
E quem quer saber
A vida é tão rara (Tão rara)
Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Mesmo quando o corpo pede um pouco mais de alma
Eu sei, a vida não para (a vida não para não)
Será que é tempo que me falta pra perceber
Será que temos esse tempo pra perder
E quem quer saber
A vida é tão rara (tão rara)
Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
Eu sei,a vida não para (a vida não para não... a vida
não para).

segunda-feira, outubro 01, 2007

As Cartas de Iwo Jima

(Letters From Iwo Jima)
Realização: Clint Eastwood
Argumento: Iris Yamashita,
Baseado no livro: Picture Letters from Commander in Chief, de Tadamichi Kuribayashi e Tsuyoko Yoshido
Elenco: Ken Watanabe, Kazunari Ninomiya, Tsuyoshi Ihara, Ryo Kase



É um Filme excelente, adorei a fotografia e o roteiro é perfeito (ou quase), o seu par: A conquista da honra (The Flags of our Fathers), é tão bom quanto. Cada um mostra um lado da história, As cartas mostra a visão japonesa da guerra enquanto A conquista a visão dos soldados americanos; mas o que é mais interessante em ambos os filmes é que nem um dos dois "pinta" os americanos como super-heróis que vão acabar com o mal do mundo, em A conquista mostra justamente o contrário, mostra quão podre é o jogo de interesses que ocorre nos bastidores do governo americano.



Eu Recomendo os dois, masem especial As cartas, pois o filme é todo em japonês e mostra bem como pensavam os japoneses na guerra.

Se quiserem ver o Trailer, mesmo em inglês, eis o link: http://www.youtube.com/watch?v=_fGgkDGF2Ts .

quinta-feira, setembro 27, 2007

Um dia qualquer

Um dia acordei bem triste,

Bem só – eu.

Fui buscar o céu

E o encontrei – azul,

Mas azul, só, não me consola.

Então busquei o mar

E o encontrei – oceano,

Mas o oceano, só, não me contenta.

Procurei então o amor,

E o encontrei em

Ti

Que me consolas e me contentas

(Leci Generoso Lopes Junior)

sexta-feira, setembro 21, 2007

S.O.S - Salvem a Terra!



A Terra pede socorro!

As seis pragas do Aquecimento Global :

1. O Ártico e a Groelândia estão derretendo
A cobertura de gelo da região no verão diminuiu ao ritmo constante de 8% ao ano há três décadas. No entanto, a temperatura na região era superior à actual nas décadas de 1930 e 1940, sendo os glaciares mais pequenos do que hoje. Em 2005, a camada de gelo foi 20% menor em relação à de 1979, uma redução de 1,3 milhão de quilômetros quadrados, o equivalente à soma dos territórios da França, da Alemanha e do Reino Unido. No entanto, no Hemisfério Sul, durante os últimos 35 anos, o derretimento apenas aconteceu em cerca de 2% da Antártida, onde 90% do gelo do planeta está acumulado; nos restantes 98%, houve um esfriamento e a IPPC estima que a massa da neve deverá aumentar durante este século. Mesmo um aquecimento de 3 a 6 graus tem um efeito relativamente insignificante já que a temperatura média da Antártida é de 40 graus negativos. É de notar igualmente que no período quente da Idade Média havia quintas dos Viking na Groenlândia e também não havia gelo no Ártico. E, mesmo que derretesse todo o gelo do Ártico, isso não afetaria o nível da água nos oceanos porque se trata de gelo flutuante: o volume de água criado seria igual ao volume de água deslocado pelo gelo quando flutua.

2. Os furacões estão cada vez mais fortes
Devido ao aquecimento das águas, a ocorrência de furacões das categorias 4 e 5 (os mais intensos da escala), dobrou nos últimos 35 anos.

3. O Brasil na rota dos ciclones
O litoral sul do Brasil foi varrido por um forte ciclone em 2004.

4. O nível do mar subiu
A elevação desde o início do século passado está entre 10 e 25 centímetros. Em certas áreas litorâneas, como algumas ilhas do Pacífico, isso significou um avanço de 100 metros na maré alta. Actualmente (Setembro de 2006), o painel intergovernamental de mudança climática estima que o nível das águas poderá subir entre 14 e 43 cm até o fim deste século. Estudos recentes parecem indicar que, contrariamente ao que antes se pensava, o aumento das taxas de CO2 na atmosfera não está provocando nenhuma aceleração na taxa de subida do nível do mar[mais...].

5. Os desertos avançam
O total de áreas atingidas por secas dobrou em trinta anos. Um quarto da superfície do planeta é agora de deserto. Só na China, as áreas desérticas avançam 10.000 quilômetros quadrados por ano, o equivalente ao território do Líbano.

6. Já se contam os mortos
A Organização das Nações Unidas estima que 150.000 pessoas morrem anualmente por causa de secas, inundações e outros fatores relacionados diretamente ao aquecimento global. Estima-se que em 2030, o número dobrará.



Quer saber mais? Clique aqui


À algum tempo atras havia o grito "Save the whales", ou em bom portugues: Salvem as baleias. Bom, agora que as baleias estão, pelo menos um pouco, fora de perigo, me ocorreu que um novo grito deveria ser dado, não para salvar uma espécie específica de animal, mas para salvar todas as espécies...

"Save the Earth" [Salvem a Terra], esse deve ser o novo lema daqui para frente, ou em breve não se poderá ter lema algun já que a Terra ficar inabitavel em 100 anos, eu sei que pode ser exageiro, mas se não for 100 provavelmente vai ser em menos tempo, se tudo continuar como está. Agora depende de nós quanto tempo resta de vida para o nosso planeta que ja foi azul...

sábado, setembro 15, 2007

Inocência ou Morte!

Que País é este?
Certamente éssa é a cara que todos deveriam ficar depois da "inocentação" de mais um político envolvido em escandalos que, por mais que a Globo tenha exagerado, foram provados pela PF (Polícia Federal)
Depois dessa eu só tenho uma coisa a dizer :
Pode mandar por favor parar o mundo que eu quero descer no proximo ponto!
Obrigado!

ou nas palavras do Renato Russo:
Nas favelas
No senado
Sugeira pra todo lado
Ninguém respeita a constituição,
mas todos acreditam no futuro da nação.
Que país é este?



Já que a inocencia a muito foi abandonada, que tal matarmos de vez a democracia?
Ou talvéz devessemos fazer uma "vaquinha" e mandar entregar uma pizza no senado!
Ou ainda, que tal todo mundo fingir que nada aconteceu?
Geralmente eu não falo de política aqui, mas essa foi a gota d'água! Dá para acreditar no futuro do Brasil assim???

"O que me preocupa não é o grito dos maus, e sim o silêncio dos bons" (Martin Luther King).

quarta-feira, setembro 05, 2007

Muralha



Se você, caro visitante do meu blog, alguma vez ja desceu a serra do mar, deve saber que é uma experiência angustainte, ainda mais já a noite tiver caido e haja muita neblina. É que da a terrivel impreção que o ônibus, carro, ou qualquer veiculo no qual esteja vai despencar a qualquer momento, ainda mais com neblina e à noite.

Mas se você ja viu a serra de pertinho, subiu com seu pés numa das montanhas, como eu fiz, provavelmete terá, como eu tive, uma vaga idéia do porque os portugueses a chamavam de muralha.

Tudo nela é grande e forte, e parece mesmo que ela esta lá desde a fundação do mundo, e só de imaginar os lusitanos subindo-a sem nem uma tecnologia mais avançada que a buçula da um temor terrivel, quase o mesmo que a gente tem quando se encontra na presença do Senhor.

Eu subi a serra, literalmente, claro que não ela toda, mas ainda sim eu subi, vi a mata atlântica e sinto que deve mesmo ser uma muralha entre o mudo "civilizado" e poluido, e o mundo selvagem, belo, e que com todo o esforço deve ser preservado, para que meus filhos, netos possam, como eu, entender o porque da muralha.

sexta-feira, agosto 31, 2007



Bem que o Bush merece mesmo ficar preso numa camisa de força...
ele É louco!!




Estavam o Bush, o Papa, O Lula e um adolescente num avião. Quando o piloto anuncia que o avião irá cair e ele com seu co-piloto saltam do avião deixando apneas 3 paraquedas.
O Lula diz: "Bem companheiros, como presidente de um país emergente eu devo pular para me salvar e governar o Brasil!
O Bush vira e diz: "Como eu ser a presidente da mior potencia da mundo eu não precisa dar explicações para ter q me salvar.
O Papa vira e diz: " mu rapaz pode se salvar, você tem muito o q viver ainda..."
O Rapaz responde: "Não se preocupe seu Papa, ainda restam dois paraquedas, o Bush pegou minha mochila".
...




Mudando de assunto gora sim, faltam alguns detalhes, mas já já estará terminado.

quinta-feira, agosto 30, 2007

Em faze de conclusão


Agora só faltam alguns detalhes e minha Vida vai estar pronta para ...

Hehehe

agora falta pouco enquanto isso...

quarta-feira, agosto 29, 2007

Calma


Àqueles (as) que ainda não tem seu link aqui eu peço calma, acabei de terminar minha luta contra o templante, mas ainda não sei como por o selo aqui, por enquanto eu vou por somente os links, mas só amanhã, o da vivi já está por ser o único que eu lembro de cabeça, os demais porei quando chegar em casa.

até

sexta-feira, agosto 10, 2007

Explicações.


Provavelmente meus fans devem estar se perguntando o motivo de tão prolongada ausência. A resposta é simples, estive passando por um período de reestruturação da minha vida toda, desde o cancelamento da minha conta na globo, até a reconstrução deste blog, fiquei enrolado com a faculdade e com problemas pessoais.


Entretanto, agora, para a felicidade geral da nação, estou de volta em definitivo, atualizarei meu blog semanalmente, abastece-lo-ei com minhas poesias, contos, e histórias engraçadas que me ocorreram durante a semana.


Obrigado pelas visitas, assim que possível, e eu descobrir como, eu colocarei os links dos blogs amigos e um templante descente. Um Abraço a todos


Jr





Desculpem a Ausencia

Abandoinei isso aki totalmente, mas decidi que já era a hora de voltar,


querios visitantes


sorry