quarta-feira, setembro 05, 2007

Muralha



Se você, caro visitante do meu blog, alguma vez ja desceu a serra do mar, deve saber que é uma experiência angustainte, ainda mais já a noite tiver caido e haja muita neblina. É que da a terrivel impreção que o ônibus, carro, ou qualquer veiculo no qual esteja vai despencar a qualquer momento, ainda mais com neblina e à noite.

Mas se você ja viu a serra de pertinho, subiu com seu pés numa das montanhas, como eu fiz, provavelmete terá, como eu tive, uma vaga idéia do porque os portugueses a chamavam de muralha.

Tudo nela é grande e forte, e parece mesmo que ela esta lá desde a fundação do mundo, e só de imaginar os lusitanos subindo-a sem nem uma tecnologia mais avançada que a buçula da um temor terrivel, quase o mesmo que a gente tem quando se encontra na presença do Senhor.

Eu subi a serra, literalmente, claro que não ela toda, mas ainda sim eu subi, vi a mata atlântica e sinto que deve mesmo ser uma muralha entre o mudo "civilizado" e poluido, e o mundo selvagem, belo, e que com todo o esforço deve ser preservado, para que meus filhos, netos possam, como eu, entender o porque da muralha.

3 comentários:

Vivi disse...

Aventureiro, hein? Quando ce foi? em que lugar, exatamente?
Nem me convida, né? Rsrs.

Beijo, Jr.

Vivi disse...

Professor de português? Ce dá aula onde?

*Dani disse...

Oie Ju, saudades!
Que bom saber que resolveu voltar a postar com frequência (eu espero).
Estou afastada por não ter net no trab. =[
Adoro aventuras, serra, mar.. enfim viajar! hehe..
Fica com Deus, bjus.. =] boa semana!